465805_10151000999897502_1916112256_o

Vinnie Moore, sem sombra de dúvida, é um dos maiores guitarristas da atualidade. E nesse mês de Maio os fãs brasileiros tiveram a oportunidade de conferir sua técnica duplamente, primeiro com a clássica banda UFO, da qual faz parte desde 2004, e também realizando alguns shows solo em território nacional. Nessa rápida entrevista, ele fala de suas impressões sobre o Brasil e com relação a sua carreira como um todo. Confiram…

 

Vicente – Você acabou de fazer alguns shows juntamente com grandes artistas do Brasil, Aquiles Priester, Fábio Laguna, Bruno Ladislau e Gustavo Carmo? Como foi tocar com eles?

Vinnie Moore – Esses caras são músicos fantásticos e tem sido um prazer tocar com eles. Eles aprenderam a minha música perfeitamente e acho que todos os fãs gostaram tanto quanto eu.

Vicente – E os shows com o UFO aqui?

Vinnie Moore – Os shows do UFO foram muito bons. Fazia três anos desde a última vez que tocamos aqui e estou muito feliz que conseguimos retornar. Nós tivemos sem dúvida nenhuma um grande momento.

Vicente – Depois de muitos álbuns e músicas marcantes, o seu nome estará na memória dos fãs ao redor do mundo para sempre. Quais são os seus maiores objetivos a partir daqui, talvez algo que você ainda não tenha alcançado em todo esse tempo?

Vinnie Moore – Eu tenho muita sorte de poder seguir uma carreira fazendo o que eu amo fazer. Meus objetivos são continuar a fazer música e sempre criando coisas novas.

228005Vicente – Você já tocou em muitos países no mundo nos últimos anos. Você acha que esses dias são melhores ou piores para as bandas em geral?

Vinnie Moore – Eu acho que isso depende da banda em particular. Algumas bandas ganham mais visibilidade e outras batalham seu espaço, assim como sempre foi.

Vicente – Seu último álbum solo foi “To the Core”. Como você vê o álbum depois de todo esse tempo? Como foi a gravação de “To the Core”?

Vinnie Moore – “To the Core” é, provavelmente, ainda o meu disco favorito que eu já fiz. foi o processo de gravação habitual para mim… Prazer, euforia, frustração, medo, dúvida, etc… As coisas de sempre que um artista enfrenta.

Vicente – Quando você começou na música, quais foram suas maiores influências, que te inspiraram a ser um músico profissional?

Vinnie Moore – Bandas como os Beatles, Led Zeppelin, Deep Purple, Queen… E guitarristas como Jeff Beck, Larry Carlton, Al DiMeola, Carlos Santana… E tantos outros mais…

Vicente – Finalmente, por favor, deixe uma mensagem para os fãs brasileiros que curtem toda a sua carreira.

Vinnie Moore – Muito obrigado a todos por seguir o que eu faço ao longo dos anos e por ter vindo para os meus shows. Isso significa o mundo para mim. Obrigadooooooooo

469972_10150988915682502_513961798_o